EJM promove palestra sobre idealismo político

IMG 3166cp

A Escola Judicial Militar do Estado de Minas Gerais ofereceu, com apoio da Escola Judicial Desembargador Edésio Fernandes - EJEF (TJMG), na tarde do dia 10 de junho, palestra com o tema “O Brasil diante do idealismo político: impactos na Defesa, Segurança e Desenvolvimento Nacional”, ministrada pelo Tenente Coronel da Polícia Militar, Eugênio Pascoal da Cunha Valadares*.

O evento contou com a presença do presidente do Tribunal de Justiça Militar de Minas Gerais, juiz James Ferreira Santos, da segunda vice-presidente do Tribunal de Justiça de Minas Gerais, desembargadora Áurea Maria Brasil Santos Perez, do vice-presidente deste Tribunal, juiz Rúbio Paulino Coelho, do diretor da Escola Judicial Militar do Estado de Minas Gerais, juiz Fernando Galvão da Rocha, além de estudantes e outros convidados.

O palestrante inicia o debate traçando uma análise comparativa do cenário político brasileiro, entre idealistas e realistas - o que ele  afirma ser necessário balancear. Ao longo do seu discurso, foram apontadas as principais questões que permeiam essas duas correntes. Os idealistas se baseiam na razão subjetiva, desenvolvendo, assim, suas ideias. Já o realismo, se fundamenta no conhecimento do mundo a partir da realidade concreta, comprovada.

Ao final da palestra, num colóquio com os presentes, todos puderam esclarecer suas dúvidas. Quanto ao futuro, segundo o debatedor, o melhor seria encontrar o equilíbrio entre as partes, com foco em objetivos maiores, a fim de alcançar o equilíbrio social, político e econômico.

* Eugênio Pascoal da Cunha Valadares é Tenente Coronel da PMMG assessor de relações interinstitucionais da PMMG junto a Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública; professor da Academia de Polícia Militar.

 

Secom/TJMMG